Faça a melhor escolha hoje: Jesus.

Não mude o outro, mude você!

"E lhes darei um só coração, e um espírito novo porei dentro deles; e tirarei da sua carne o coração de pedra, e lhes darei um coração de carne." Ezequiel 11:19
Muitas mulheres passam toda a existência do seus casamentos com um único objetivo: mudar o comportamento do marido.
Elas tentam de tudo. São repetitivas, achando que pelo muito falar serão atendidas, falam na frente das pessoas e do próprio marido os defeitos dele, pensando que se ele ficar com vergonha irá tomar uma outra atitude. Mas nada muda. Passam-se os dias, semanas, meses e anos, e seu marido continua ali, com os mesmos hábitos que a irritam. O que fazer?
Em primeiro lugar, a mulher casada deve saber de algo muito importante, que faz parte do universo masculino: homem não gosta de ser mandado. Muitas mulheres tratam o marido como criança, dando ordens e fazendo exigências: "Fulano, não coloque toalha molhada sobre a cama, tire os sapatos quando entrar em casa, ponha o lixo para fora, dê banho no cachorro..." E assim vai a lista de ordens como se o marido fosse uma criança e tivesse que obedecer sempre. Lembre-se que ele é seu marido, não é seu filho.
Esse tipo de comportamento da parte da mulher, faz com que o homem se sinta humilhado, e muitos maridos acabam por não fazer nada do que as esposas pedem exatamente por isso, por ouvir na voz da esposa o tom de ordem. O marido acaba por se sentir inferior por estar sendo mandado, e sua defesa é fazer as coisas do seu jeito e não dar ouvidos ao que a mulher está falando.
Quando a mulher manda no marido, o marido entende de forma automática que ela está dizendo que as coisas que ele faz estão erradas e que ela quer que ele faça do modo certo, ou seja, do jeito que ela está mandando.
Há esposas que dizem que seu marido tem o coração duro, porque quando elas lhes mandam fazer alguma coisa eles não fazem. Elas tentam de tudo para mudar o marido e nada conseguem. Não entendem que não temos o poder de mudar o comportamento de ninguém, somente o nosso.
O único que tem o poder de mudar o comportamento do homem, é Deus, através do seu Espírito Santo. No livro do profeta Ezequiel, o Senhor diz que troca o coração de pedra por um coração de carne, então neste caso a única coisa que podemos fazer é orar, porque não seremos nós quem iremos mudar o coração dos nossos maridos, mas Deus.
Como Deus constituiu o homem como cabeça da família, não é nada fácil para um homem se ver mandado pela mulher, sendo que ele foi chamado por Deus para ser o líder em casa.
O que a mulher de Deus pode fazer pode não parecer ter o menor sentido a princípio, mas é o melhor a fazer: mudar seu próprio comportamento.
No lugar de ficar repetindo todos os dias que ele deve tirar os sapatos ao entrar em casa, pense no fato de ele não gostar de ter que entrar descalço ou só de meias em sua própria casa. Já pensou nisso? Agora compre um capacho, um daqueles tapetes grossos que retém a terra na porta de entrada. Ele vai passar os pés nele e entrar sem sujar a casa.
Há tantos modos de solucionar conflitos, mas olhamos tudo pelo lado que parece mais fácil somente para nós, sem levar em consideração o que o outro pensa.
Quando você começar a se esforçar em mudar o seu modo de falar com seu marido, ele vai perceber e não vai mais resistir em fazer coisas que lhe agradam. Sempre que ele resistir fazer algo que você está pedindo, preste atenção no modo que você está falando, se não está soando mais como uma ordem do que como um pedido.
Seu marido só vai mudar se ele quiser. Isso não parece a solução para muitas mulheres que já lutaram por anos tentando que o marido agisse de forma diferente, mas essa é a verdade. Nós só mudamos quando encontramos um motivo, se seu marido ainda não encontrou um motivo para fazer as coisas de modo diferente, não o force a isso. A mudança deve ser algo natural e prazerosa, só assim tem a possibilidade de se transformar em um bom hábito.
No lugar de ficar medindo forças com seu marido, observe também as coisas que você faz que o desagradam. Às vezes estamos tão focadas em mudar o outro que esquecemos que também temos defeitos que o incomodam.
Meu marido sempre dizia:"Não deixe a toalha molhada em cima da cama." E eu insistia em fazer a mesma coisa todos os dias, porque eu tinha um mau hábito. Até que um dia, ao perceber que o colchão estava úmido por causa da toalha, não a coloquei mais sobre a cama. O meu motivo para mudar de atitude foi a   umidade sobre o colchão, que se for persistente pode dar mal cheiro. Agora tomo banho e coloco a toalha para secar no varal, para não correr o risco de voltar ao velho hábito.
Perceberam como foi a mudança? Somente depois que aquilo que incomodava meu marido passou a me incomodar também, eu encontrei um bom motivo para não fazê-lo, decidi mudar. Eu poderia ter continuado com o velho hábito e ter que ouvir todos os dias a mesma reclamação, mas a mudança de atitude só me trouxe benefício.
Mudar não é fácil, mas não é algo impossível. Mude a si mesma, ore pelo seu esposo e deixe que Deus o mude naquilo que for necessário. Nunca se esqueça: ele é seu marido, não é seu filho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e deixe o link de seu site ou blog para eu fazer uma visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...