Faça a melhor escolha hoje: Jesus.

Série: O discípulo e o crente - Parte 19

• Os crentes aumentam a comunidade; os discípulos aumentam as comunidades.
Há comunidades lotadas de crentes. Não estou falando de comunidades onde as pessoas que fazem parte dela foram salvas por Jesus e se converteram. Estou falando dos crentes migradores que pescam no aquário dos outros. São crentes que na verdade, migram de uma congregação para a outra. São pessoas que foram batizadas nas águas e por um motivo ou outro estão sempre indo de um lado para o outro. Um dia estão em uma igreja, logo se cansam de congregar ali e procuram outra.
Crentes assim lotam igrejas. Eles não sabem ao certo o que estão procurando ou a quem estão buscando. Por isso, quando encontram uma igreja que lhes agrade, somam com aqueles que já estão ali. Este é o modo que ele tem de aumentar uma comunidade. Seu plano é trazer outros crentes que ele conhece para fazerem parte da igreja onde ele congrega, não se preocupa em buscar aqueles que ainda não encontraram Jesus.
Já os discípulos fazem diferente. O plano do discípulo para aumentar uma comunidade não é sair pescando pessoas de outras igrejas. Ele se dispõe a buscar aquele que não faz parte do rebanho, lhe ensina como andar com Deus para que assim que ele esteja firme na fé, ensina também outras pessoas a viver para o Senhor.
O crente se contenta em lotar comunidades, igrejas, templos. Ele vem com sua Bíblia, senta-se confortavelmente no banco e ouve a pregação. Depois vai para casa, sem se preocupar com as outras pessoas que não tiveram a mesma oportunidade que ele de estar na casa de Deus. Quando convida alguém para ir à sua igreja, certamente este alguém já é crente de outra denominação. Muitas pessoas que ainda não conhecem Jesus, aguardam somente um convite, pois se sentem constrangidas em adentrar uma igreja onde não conhecem ninguém.
O discípulo age com muito amor, e sabe que mesmo que a pessoa a quem ele está ensinando os primeiros passos para na fé, não permaneça em sua igreja, mas vá para outra, ela vai levar por toda a vida o que aprendeu.
O discípulo age exatamente assim: "E desta maneira me esforcei por anunciar o evangelho, não onde Cristo foi nomeado, para não edificar sobre fundamento alheio." Romanos 15:20 Ele sai pregando Jesus para quem não conhece o Senhor, não faz como o crente que convida outros crentes para se unirem à ele em sua comunidade. A visão do discípulo é trazer o que está de fora para dentro do reino de Deus, não para congregar somente aqueles que já fazem parte dele!
O crente vive preso dentro das quatro paredes do templo onde escolhe ficar com outros crentes, enquanto que o discípulo vê o mundo como um campo sem limites para ganhar almas para Jesus!

Na próxima postagem da série O discípulo e o crente, veremos • Os crentes foram transformados pelo mundo; os discípulos transformaram, transformam e transformarão o mundo.
Fique ligada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e deixe o link de seu site ou blog para eu fazer uma visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...